none
Instâncias SQL Server RRS feed

  • Pergunta

  • Olá, gostaria de tirar uma dúvida, no SQL Server vc pode criar várias instâncias, desta forma fica mais organizado, mais será que compensa, pq assim o sistema vai iniciar várias vezes os serviços, um para cada instancias.

    Não seria melhor então, do ponto de vista para melhor desempenho do servidor, criar o mínimo de instâncias possível e ter várias bases de dados em uma única se possível?

    Obrigado.

    • Movido Roberson Ferreira _ segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:52 (De:SQL Server - Desenvolvimento Geral)
    segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:13

Respostas

  • Boa tarde,
    Sim, pode sim, dependendo da versão no caso SQL Server 2008 você pode criar até 50 instâncias, porém cada instância requer um serviço do windows, consequentemente usando mais os recursos do Servidor, e sobre ficar 'MAIS' organizado, descordo acho totalmente ao contrário, imagina você andar com uma colinha de cada instância que você tem, aconselho criar apenas uma instância default e consequentemente a criação dos BD dentro dessa instância, ao meu ver fica muito mais fácil o gerenciamento do seu cenário com apenas uma instância, claro que não envolve apenas a forma de conexão, temos também gerenciamento, manutenção e etc... Imagina criar Planos de manutenção a cada instância rss, creio que será perda de tempo.
    [ ]'s
    segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:37
  • Você tem que partir do mais simples para o mais complexo.

    Se uma instância apenas contempla todas as suas necessidades, pra que várias instâncias? Trabalhar somente com uma realmente é bem mais prático.

    Porém, podem haver diversas situações que lhe farão pensar em ter outra instância.

    Exemplo: suponhamos que você tenha duas bases de dados diferentes, uma para cada software de terceiros que você utiliza.

    Você utiliza um ERP de um fornecedor e um CRM de outro, por exemplo.

    Sabemos que o login é por instância, e não por base.

    E se as duas bases precisarem de um login com o mesmo nome??? Isso acontece muitas vezes, e foge do nosso controle, da nossa responsabilidade, pois isso fica a cargo das softhouses.

    Neste caso provavelmente você precisará de uma nova instância, deixando uma base em cada. Este é só um exemplo, dentre vários.

    Talvez para uma base você precise deixar um nível de segurança mais fraco, deixar alguma propriedade da instância habilitada, de forma que esta ficará um pouco mais frágil. Às vezes isso também se faz necessário.

    E aí pode surgir também a pergunta: "Poxa, vou deixar a outra base também nessa instância mais frágil, já que ela não tem nada a ver com esta necessidade de diminuição de segurança?"

    Então, são as perguntas e respostas às suas situações que lhe levarão a, talvez, criar várias instâncias.

    Mas como disse, parta sempre do mais simples para o mais complexo.


    Roberson Ferreira - Database Developer
    Acesse: www.robersonferreira.com.br
    Email: contato@robersonferreira.com.br

    Se esta sugestão for útil, por favor, classifique-a como útil.
    Se ela lhe ajudar a resolver o problema, por favor, marque-a como Resposta.

    segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:45

Todas as Respostas

  • Boa tarde,
    Sim, pode sim, dependendo da versão no caso SQL Server 2008 você pode criar até 50 instâncias, porém cada instância requer um serviço do windows, consequentemente usando mais os recursos do Servidor, e sobre ficar 'MAIS' organizado, descordo acho totalmente ao contrário, imagina você andar com uma colinha de cada instância que você tem, aconselho criar apenas uma instância default e consequentemente a criação dos BD dentro dessa instância, ao meu ver fica muito mais fácil o gerenciamento do seu cenário com apenas uma instância, claro que não envolve apenas a forma de conexão, temos também gerenciamento, manutenção e etc... Imagina criar Planos de manutenção a cada instância rss, creio que será perda de tempo.
    [ ]'s
    segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:37
  • Você tem que partir do mais simples para o mais complexo.

    Se uma instância apenas contempla todas as suas necessidades, pra que várias instâncias? Trabalhar somente com uma realmente é bem mais prático.

    Porém, podem haver diversas situações que lhe farão pensar em ter outra instância.

    Exemplo: suponhamos que você tenha duas bases de dados diferentes, uma para cada software de terceiros que você utiliza.

    Você utiliza um ERP de um fornecedor e um CRM de outro, por exemplo.

    Sabemos que o login é por instância, e não por base.

    E se as duas bases precisarem de um login com o mesmo nome??? Isso acontece muitas vezes, e foge do nosso controle, da nossa responsabilidade, pois isso fica a cargo das softhouses.

    Neste caso provavelmente você precisará de uma nova instância, deixando uma base em cada. Este é só um exemplo, dentre vários.

    Talvez para uma base você precise deixar um nível de segurança mais fraco, deixar alguma propriedade da instância habilitada, de forma que esta ficará um pouco mais frágil. Às vezes isso também se faz necessário.

    E aí pode surgir também a pergunta: "Poxa, vou deixar a outra base também nessa instância mais frágil, já que ela não tem nada a ver com esta necessidade de diminuição de segurança?"

    Então, são as perguntas e respostas às suas situações que lhe levarão a, talvez, criar várias instâncias.

    Mas como disse, parta sempre do mais simples para o mais complexo.


    Roberson Ferreira - Database Developer
    Acesse: www.robersonferreira.com.br
    Email: contato@robersonferreira.com.br

    Se esta sugestão for útil, por favor, classifique-a como útil.
    Se ela lhe ajudar a resolver o problema, por favor, marque-a como Resposta.

    segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:45
  • Edmar, estou movendo sua Thread por questões de organização.

    Roberson Ferreira - Database Developer
    Acesse: www.robersonferreira.com.br
    Email: contato@robersonferreira.com.br

    Se esta sugestão for útil, por favor, classifique-a como útil.
    Se ela lhe ajudar a resolver o problema, por favor, marque-a como Resposta.

    segunda-feira, 27 de agosto de 2012 16:51