none
DÚVIDA QUANTO A ESSA QUESTÃO RRS feed

  • Pergunta

  • Mateus mantém uma planilha com a lista de fornecedores de uma empresa, contendo o código de cada fornecedor e diversas informações de cadastro. Na planilha, cada fornecedor ocupa uma linha, e os dados estão dispostos em colunas. Como cada fornecedor deve ter um código único, Mateus gostaria de verificar a integridade dos dados com algum tipo de alerta que ajudasse a identificar um erro comum de preenchimento, que é o de atribuir o mesmo código a mais de um fornecedor. No Excel 2010, um alerta desse tipo, que não interfira no preenchimento da planilha ou na ordem em que os registros aparecem, pode ser mais fácil e rapidamente implementado por meio:
    (A) do recurso de Validação de Dados;
    (B) de uma função definida pelo usuário, escrita em VBA;
    (C) do recurso de Formatação Condicional;
    (D) dos recursos oferecidos pelo menu Controlar Alterações;
    (E) dos recursos oferecidos pelo menu Classificar e Filtrar.
    domingo, 29 de junho de 2014 01:18

Todas as Respostas

  • É possível realizar isso via Validação de dados ou formatação condicional. A diferença é que na formatação condicional somente será possível destacar a célula, e via validação de dados, é possível restringir o preenchimento e emitir um alerta ao usuário, portanto considero a validação de dados o método mais eficaz.

    Se interpretarmos a questão puramente no ponto de que não interfira no preenchimento da planilha, creio que a resposta desejada seja formatação condicional, entretanto em termos de eficiência, a validação de dados seria mais apropriada para o caso.


    Rafael Kamimura


    • Sugerido como Resposta Rafael Kamimura segunda-feira, 30 de junho de 2014 15:00
    • Editado Rafael Kamimura segunda-feira, 30 de junho de 2014 16:27
    • Não Sugerido como Resposta Rafael Kamimura segunda-feira, 30 de junho de 2014 17:04
    segunda-feira, 30 de junho de 2014 15:00
  • (C) do recurso de Formatação Condicional;
    segunda-feira, 30 de junho de 2014 16:08
  • Lendo e entendendo melhor a pergunta, o que Mateus de fato deveria fazer é:

    1º) Para conferir os códigos já inclusos na planilha, utilizar a formatação condicional para destacar os valores duplicados. Sendo que após realizar a formatação condicional, ele pode utilizar a Filtragem por cor (se ele formatou as células por cor na formatação condicional) para facilitar a visualização de todas as linhas repetidas.

    2º) Realizar a exclusão das linhas repetidas.

    3º) Aplicar a validação de dados na coluna dos códigos, através de uma validação personalizada por fórmula para não permitir mais inclusão de códigos repetidos na coluna e configurando a mensagem de alerta para informar o usuário que o código já existe.

    Essa seria uma boa respostas se a pergunta fosse descritiva ao invés de múltipla escolha.



    Rafael Kamimura

    • Sugerido como Resposta Rafael Kamimura segunda-feira, 30 de junho de 2014 17:04
    segunda-feira, 30 de junho de 2014 17:01
  • A letra (A) não pode ser porque uma validação de dados impede que os dados sejam gravados à planilha.

    A letra (B) é uma possível solução. No entanto, criar uma função definida pelo usuário (UDF) não é uma tarefa trivial.

    A letra (C) do recurso de Formatação Condicional parece ser uma ótima alternativa, uma vez que o Excel 2010 possui uma ferramenta nativa de realçar registros duplicados numa coluna.

    A letra (D) é inválida porque o recurso de controlar alterações realça quaisquer alterações numa planilha, não só as células de "código único" repetido.

    A letra (E) pode ser usada para visualizar registros que estão repetidos com facilidade, caso se classifique a coluna de registros únicos. No entanto, a operação de classificação é manual, teria que ser feita toda vez ao inserir um novo registro, e a conferência teria que varrer a coluna de códigos únicos do início ao fim. Além disso, contraria a limitação de não interferir na ordem em que os registros aparecem.


    Felipe Costa Gualberto - http://www.ambienteoffice.com.br

    quarta-feira, 2 de julho de 2014 01:15