none
Chave Substituta (Surrogate Key) ou Chave Natural RRS feed

  • Pergunta

  • Estou com uma dúvida referente a Chave Substituta (Surrogate Key) ou Chave Natural, tenho um Banco de Dados estruturado com Chave Natural, entretanto existem tabelas com chaves compostas com (2, 3, 4, 5, 6) campos, e pretendo migrar a minha aplicação para WEB, tenho muitas consultas com joins e minhas tabelas possuem muita informação existe por exemplo tabelas com milhões de registros, quero saber o que seria melhor utilizar a Chave Substituta ou continuar com Chave Natural quais os prós e contras? Qual o melhor para meu caso?

    quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013 13:38

Respostas

  • Otávio,

    A questão vai mais além do que é melhor, mas sim do que esta mais fácil e até mesmo mais prático para você.

    Em questões de funcionamento e modelagem ambas as técnicas podem ser utilizadas e funcionam como você mesmo pode estar observando.

    As chaves naturais são utilizadas com frequência e comuns em qualquer ambiente, normalmente de fácil compreensão e entendimento.

    As chaves substitutas(surrogate keys) ou chaves de acesso, são campos candidatos a se tornar uma forma de obtenção de informações sem o uso das chaves naturais, o que esta alinhado de acordo com a seletividade dos dados e até mesmo índices.

    A pergunta é? Estas possíveis chaves substitutos realmente apresentam um nível de seletividade de dados alto?


    Pedro Antonio Galvão Junior [MVP | Microsoft Evangelist | Microsoft Partner | Engenheiro de Softwares | Especialista em Banco de Dados | SorBR.Net | Professor Universitário | MSIT.com]

    quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013 16:26
    Moderador