Project Server 2013 - Visão geral sobre as configurações do Servidor

Project Server 2013 - Visão geral sobre as configurações do Servidor





Status do Artigo:
Em desenvolvimento.

Objetivo: O objetivo deste artigo é apresentar as configurações de servidor do novo Project Server 2013.







Visão Geral


Além do Layout, que foi totalmente remodelado para melhorar o acesso as configurações do novo Project Server 2013. As configurações de servidor relacionadas a estrutura e disposição dos grupos de comandos e suas opções ficaram mais práticas e simples de serem acessadas. O principal foco nesta webpart de servidor é, ter um espaço reservado para administrar os recursos relacionados ao ambiente servidor do Microsoft Project tanto dentro de uma estrutura de TI de uma companhia ou até mesmo em nuvem, o local é totalmente separado do SharePoint 2013. Entretanto, além da administração da ferramenta presente neste espaço, ele também é destinado a configuração de todos os itens do programa. 

Portanto, um bom conhecimento e experiências das atividades administrativas do software é de suma importância para gerenciar seus recursos. Este local sempre terá por objetivo auxiliar o administrador a gerir melhor os recursos, localizar as opções de administração de forma precisa, melhorar a segurança e os acessos, atuar de forma mais eficiente na correção problemas e o mais importante de todos administrar o núcleo de operações e suas politicas de segurança.

Alguns itens  administrados nessa configuração:
  • Controle de licenças utilizadas pelo Project Professional e Project Server 2013.
  • Configurações da empresa que correspondem por exemplo, a cadastro de pessoas, controle de calendários e etc.
  • Gerenciar capacidades e planejamento de recursos.
  • Mais informações sobre serviços do Exchange Server. 
  • Definição do tipo de tarefa a ser utilizado pela organização.
As configurações do Project Server 2013 permitem ao usuário personalizar e configurar toda a estrutura do site de projetos como:
  • Título
  • Visões
  • Filtros
  • Segurança
  • Fluxo de Trabalho
  • Modelos de Site
  • Etc.
Referência Microsoft:

http://technet.microsoft.com/en-us/library/gg982980.aspx


Server Settings - "Configurações do Servidor" - Project Server 2013


1 - Para acesso as configurações clique no botão: Configurações - "Settings" - Configurações do Project Web App - "Project Web Settings".

Exemplo:



2 - O local destinado a realização das configurações do Project Web Access será exibido.

Exemplo:



3 - A estrutura de todas as respectivas configurações será exibida:

A estrutura dos grupos de configurações são assim distribuidas.

Exemplo:




Personal Settings - "Configurações Pessoais"



  • My Queued Jobs - "Meus Trabalhos Enfileirados": Esta opção é utilizada para exibir os trabalhos enfileirados na fila do Project Server 2013. Quando informações de projeto e quadro de horários são publicadas no Microsoft Office Project Server 2013, elas são processadas pela Fila do Project Server. Você pode alterar como os trabalhos (ou eventos) enfileirados são agendados, exibir os trabalhos na fila e reiniciar trabalhos específicos na fila.

    • Exemplo da tela de configuração:

Enterprise Data - "Dados da Empresa"



  • Enterprise Custom Fields and Lookup Tables - "Campos Customizados e Tabelas de Pesquisa da Empresa": Esta opção é utilizada para criar , editar, exibir e excluir campos customizados no Project Server 2013. Dependendo da estrutura que fora criada os campos podem ser exibidos tanto no ambiente web quando no ambiente Project Professional. É possível trabalhar com campos do tipo projeto, tarefas e recursos , a escolha de qual deve ser utilizado depende da necessidade de informação da empresa.

  • Enterprise Calendars - "Calendários da Empresa": Local destinado a armazenar e exibir os calendários utilizados nas companhias, neles estão presentes feriados, eventos, período de folgas e horário de trabalho. Vale lembrar que é possível trabalhar com diversos calendários e seu objetivo é proporcionar flexibilidade durante a execução dos projetos e na gestão de recursos.

  • Resource Center - "Central de Recursos": Espaço voltado a centralização de todos os recursos da companhia, os recursos podem ser pessoas, genéricos, materiais e custos. Outro ponto interessante é a possibilidade de ver com clareza a disponibilidade, períodos de trabalho e folga, bem como os recursos que foram sincronizados com o catálogo de pessoas da organização chamado Active Directory.

Queue and Database Administration - "Administração do banco de dados e fila"


  • Manage Queue Jobs - "Gerenciar Trabalhos na Fila": Imagine que vários processos podem ser centralizados e gerenciados de forma bem simples. Imaginou?. O gerenciar trabalhos na fila fornece uma gama de possibilidades de gerenciar todas as ações que estão ocorrendo no servidor Project Server 2013, como as publicações, salvamentos, erros, status de atividades entre outras operações que possibilitam uma facilidade no gerenciamento da solução.

  • Delete Enterprise Objects - "Excluir objetos da Empresa": Caso o objetivo seja excluir algum objeto do servidor esta opção permite executar essa operação de modo bem rápido, os descartes vão desde cronogramas, recursos, modelos de cronograma e muito mais. É importante salienta que, a partir do momento que um objeto é excluído ele é removido inclusive da base e qualquer operação de retorno deverá ser feita através de backup.

  • Force Checkin Enterprise Objects - "Forçar checkin de objetos da empresa": Porque utilizar o checkin e o checkout? Bem, caso ocorra algum problema e o cronograma não responda as tarefas realizadas, ele possivelmente vai estar preso na fila e, neste local será possível encontrar os projetos e corrigir esses problemas. Selecione o cronograma que apresentou o problema e executar a operação de forçar checkin.

Look and Field - "Visões e Campos"


  • Manage Views - "Gerenciar Visões": As visões são uma das partes mais importantes do Project Server, com elas são possíveis análise de portfólio, análise individual por projeto, análise de recursos, gestão de tarefas, distribuição correta dos trabalhos, divisão dos cronogramas por departamento e claro um relatório objetivo, rápido e claro de toda a vida do PMO de uma companhia. 

  • Grouping Formats - "Formatos de Agrupamento": Os agrupamentos correspondem a forma de unificar informações dispersas, como por exemplo, se três são de TI e novos usuários são cadastrados, com este item possível organizar e juntar os dados de TI de maneira simples, possibilitando rapidez na gestão de informação.

  • Gantt Chart Format - "Formato do Gráfico de Gantt": Formatos são inúmeros recursos que podem ser utilizados na personalização do Gantt do Project Web Access, é possível ocultar ou exibir as linhas de bases, definir acompanhamentos através das linhas de andamento, definir padrões de cores de acordo com a necessidades das companhias e muito mais. Vale lembrar, que este recurso possui limitações em relação a versão Project Professional 2013 e que algumas funcionalidades podem não funcionar no ambiente web como funcionam na versão desktop.

  • Quick Launch - "Início Rápido": A flexibilidade de ter a qualquer momento a capacidade de modificar os links presentes no PWA podem ser encontrados facilmente no início rápido. Neste espaço é encontrado os principais links do portal como os riscos, portfólio, central de projetos e recursos e etc. Vale lembrar que neste espaço é possível parametrizar apenas links nativos do Project Server, em caso de pastas, documentos o ideal é que seja utilizada as configurações do próprio SharePoint.

Time and Task Management - "Gerenciamento de tempo e tarefas"


  • Fiscal Periods - "Período Fiscal": Os períodos fiscais são um importante requisito quando se trata de ajustar períodos financeiros em uma organização. Nesse recurso é possível definir os períodos financeiros. Operações como criar, modificar, editar e excluir também podem ser realizadas através deste item.  Um observação importante em relação a este recurso é que assim que o período é alterado as datas de término de qualquer mês fiscal são automaticamente reajustadas. Uma informação que é possível presenciar é as datas de início do mês seguinte são inseridas para um dia após o mês seguinte.

  • Time Reporting Periods - "Relatório por Período de tempo": É um espaço destinado a definição de datas de início e término aplicadas aos relatórios de status das tarefas como também os quadros de horários. É possível criar diversos períodos de relatório de tempo, configurar essa opção, incluir ou remover períodos entre outra ações. Um ponto fundamental é que este item é aplicado a períodos fiscais, ou seja, se sua companhia precisar ou trabalhar com este dado este é o recurso que precisará ter certa atenção por sua equipe de TI ou os seus administradores.

  • Line Classification - "Linha de Classificação": O método classificação de linha tem por objetivo possibilitar a duplicação das linhas de quadro de horários. O foco é permitir a finalidade de negócios, motivos contábeis, torna-se identificador exclusivo durante o processo de classificação de um quadro de horários.

  • Timesheet Settings and Default - "Configuração padrão de quadros de horário": A definição do ambiente configurações e padrões do quadro de horário são comuns de ser utilizado na exibição dos quadros de horários do Project Web Access. Com ele é possível criar e definir os quadros de horários que serão utilizados, na demarcação das unidades de controle (dias e semanas)  e na fixação dos limites de relatório por hora que compreende o máximo e o minimo de tempo que deverão ser seguidos. As politicas de quadro de horário são também uma interessante forma de ajudar a sua companhia a cumprir fielmente as regras contábeis ou regulatórias. Com um exame sistemático é possível auditar o quadro de horário, rotear a aprovação durante o envio do quadro de horários e definir o modo de entrada única para que os membros da equipe informe os status das tarefas.

  • Administrative Times - "Período Administrativo": O propósito do período administrativo é ser usado quando houver a necessidade de sua companhia controlar a exceção de tempo, ou seja, horas que não foram gastas. Todavia, outras informações importantes como o poder de definição de status (aberto ou fechado), o tipo de trabalho (útil ou folga), o método de aprovar (sim ou não),se sempre será exibido são algumas maneiras do gerente aprovar a confirmação dos tempo de trabalho enviados pelos recursos.

 

  • Task Settings and Display - "Exibição e configurações de Tarefas": Na exibição e configuração de tarefas é possível especificar o método de andamento (Porcentagem de Trabalho Concluído, Trabalho real concluído e trabalho restante, Horas de trabalho concluída por período ou forma livre) das tarefas especificar o método de andamento (Porcentagem de Trabalho Concluído, Trabalho real concluído e trabalho restante, Horas de trabalho concluída por período ou forma livre) das tarefas. Além disso, na exibição de relatório é indicado a maneira como os recursos vão relatar suas horas de trabalho (horas relatadas diariamente ou semanalmente). Especificar quais tarefas podem ou não ser atualizadas. Portanto, após definir essas informações recomenda-se salvar as modificações realizadas.

  • Manage Timesheets - "Gerenciar de Quadros de Horários": A gestão dos quadros de horários é uma maneira de determinar que os gestores controlem o intervalo de tempo que sua equipe de projeto irá incluir dentro das tarefas a eles atribuídos.O foco do quadro de horários é sempre relatar horas que não fazem parte do projeto. 

  • Timesheet Managers - "Gerenciamento de Quadro de Horários": Uma das novidades no gerenciamento de quadros de horários, está relacionado as melhorias que ele sofreu a fim de suportar os impactos de horas não controladas e um maior controle de audiências presentes na estrutura do PWA. Portanto, essas inovações afetam diretamente aos administradores e desenvolvedores porque fornece a capacidade de suportar horas de trabalho que não estejam relacionados a um projeto específico, porém são tarefas e que precisam também serem registradas e administradas. 

Operational Policies - "Políticas Operacionais"


  • Additional Server Settings - "Configurações Adicionais do Servidor": Em configurações de servidor é possível especificar as Project Professional que podem se conectar ao Project Server da organização, é possível definir opções da companhia como se projetos mestres podem ou não ser salvos no servidor, se é permitido utilizar calendários locais ou apenas o calendário da empresa, definir o tipo de moeda do servidor que por padrão no Brasil é o BRL, se é possível publicar projetos com outros formatos de moedas ou exigir que o padrão a ser seguido é o que foi definido no servidor, definir os meses de atraso e adiantamento de dados de capacidade que serão mantidos nos relatórios de recursos dos bancos de dados, dias úteis de recursos, sincronização de tarefas com o Exchange Server e o modo de tarefa se será automático ou manual.

  • Active Directory Resource Pool Synchronization - "Sincronizar o pool de recursos da empresa com o Active Directory": Um dos grandes recursos da ferramenta está relacionada ao fato de que com ela é possível buscar o catálogo de endereços da organização e trazer essa estrutura para dentro da Project Server 2013. Por padrão este catálogo está ligado a um grupo que possui geralmente os "Nomes das pessoas" e o departamento do qual elas trabalham. Uma dica quando se trabalha com a estrutura desses nomes dentro do software é chamar essas informações de recursos.

  • Connected SharePoint Sites - "Conectar ao Site do SharePoint": Neste espaço é possível ver os sites do SharePoint que estão integrados a estrutura do PWA, ou seja, além sites de projeto nativo é possível ver também sites que não são de projetos. 


Workflow and Project Detail Pages - "Fluxo de Trabalho e Página de Detalhes do Projeto"


  • Enterprise Project Types - "Tipos de projeto da empresa": Uma boa forma de separar os diversos tipos de projeto em um organização e que utilizem um fluxo de trabalho com fases e estágios definidos é com a opção tipo de projeto da empresa. Com ela é possível criar formulários de propostas que serão acessadas no botão novo da Central de Projetos, dentro do fluxo de trabalho que foi desenvolvido, utilizar o agrupamento de fases , personalização dos formulários de detalhes do projeto e trabalhos com foco nas metas definidas no portfólio da empresa.

  • Workflow Phases - "Fases do Fluxo de Trabalho": As fases do fluxo de trabalho nada mais é que, etapas utilizadas dentro de um workflow. Essas fases são responsáveis por informar se o fluxo foi concluído, se está na fase de captura de informações através da opção criar, se os projetos que foram selecionados apresentará um plano de como eles serão executados de detalhes no fluxo, se os projetos em execução serão monitorados nesta fase de gerenciar ou se na fase selecionar será possível trabalhar com fluxos menores permitindo a seleção de subconjuntos de projetos.

  • Workflow Stages - "Estágios do Fluxo de Trabalho": Com os estágios do fluxo de trabalho é possível ter uma visão mais objetiva e detalhada de cada uma das fases do fluxo (Concluído, Criar, Gerenciar, Plano e Selecionar). Com ele também é possível organizar melhor as informações das fases, incluindo ou removendo itens que serão ou não utilizados na estrutura do fluxo de trabalho. Vale lembrar que, em cada detalhe é possível obter diversos dados como a descrição, página de detalhes do projeto visíveis, campos que foram desenvolvidos e que podem ou não ser obrigatório o seu preenchimento, o comportamento que é o nível permissão dos detalhes (Somente Leitura, Leitura e Gravação, obrigatório e etc.) e se caso a edição for necessária o checkin obrigatório será solicitado permitindo que nenhuma outra alteração ocorra enquanto o fluxo estiver sendo editado.

  • Change or Restart Workflows - "Alterar ou Reiniciar o Fluxo de Trabalho": Com o alterar ou reiniciar fluxo de trabalho é provável ir para Estágio do fluxo de trabalho e conseguir escolher formulário de tipo de projeto da empresa,as escolhas de projeto indica quais projetos farão parte do fluxo que está sendo utilizado. Mesmo com todos esses recursos ainda é provável associar o formulário que será utilizado, a operação que será realizada e o destino que o fluxo de trabalho utilizará durante todo o ciclo. 

  • Project Details Pages - "Página de Detalhes do Projeto": Na página de detalhes do projeto se obtém detalhes dos projetos. Com ele é possível definir os dados de projeto que podem ser exibidos ou capturados no PWA (Project Web App).As principais encontradas neste espaço estão relacionadas a detalhes do projeto, análise pós implementação, informações do projeto, detalhes da proposta, datas de início e término da proposta, status de estágio da proposta, resumo da proposta, cronograma e impacto estratégico que nada mais é que toda a estrutura de recursos nativos e do fluxo de trabalho do produto.
     

Outras linguagens

Classificar por: Data da Publicação | Mais Recente | Mais Úteis
Comentários
  • Hezequias Vasconcelos edited Revision 34. Comment: inserido o texto exibição e configuração de tarefas

  • Bom artigo!. É muito interessante.

  • Bom artigo!. É muito interessante.

Página 1 de 1 (3 itens)