Visão geral


Sabemos, que o Project Server 2013 é uma ótima plataforma para a gestão eficiente de projetos. Controlar prazo, custos, horas utilizadas nos projetos, atividades e alocação são algumas das suas principais vantagens. Lembro, que está é uma dúvida muito comum e, que é sempre levantada nos fóruns Technet e MSDN da Microsoft. Para os clientes, que possuem o programa de licenciamento por volume da Microsoft é muito importante conhecer esses detalhes. Os softwares que serão utilizados pela companhia e, a lista de software  dependentes das licenças necessárias para utilização do software. 

Mas você sabe de quais softwares ele depende para ser executado?

Um deles foi citado no artigo:

Project Server 2013: Dependência do SharePoint 2013

Porém, além de utilizar toda a estrutura do SharePoint Server 2013 ele utiliza outros softwares para executar seus serviços.

São eles o Windows Server 2012 e o SQL Server.

Essa informação pode ser consultada rapidamente no endereço:

Licensing Brief - Microsoft Software License Dependency Reference Guide


Então, basicamente a estrutura ficaria da seguinte forma:

 

 

SharePoint Server 2013



O SharePoint Server 2013 é o responsável, por permitir a visualização e execução web dos recursos do Project Server 2013. Podemos citar, por exemplo, o Project Web Access. Além disso, ele conta com outras funcionalidades, como a parte de workflows, serviços de notificação por e-mail, sincronização da lista de tarefas com um projeto no Project Professional 2013, acesso ao site do projeto, lista de riscos e questões dos projetos entre outras funcionalidades.

Windows Server 2012



Embora, o Project Server 2013 consiga ser instalado no Windows Server 2008 SP1. O mais indicado para a execução da plataforma é o Windows Server 2012. Ele é o responsável por monitorar, executar e controlar todos os processos referentes ao programa. Um dos serviços mais comuns é o Microsoft Project Queue, que nada mais é que o serviço de fila. Mas podemos contar com os logs do servidor para identificar qualquer alteração durante a sua execução no servidor.

SQL Server 2012



Mencionamos anteriormente, que o Project Server 2013 pode ser executado no Windows Server 2008 SP1. Esta ação, não se limita apenas aos servidores de aplicação mas também pode ser aplicado em servidores de banco de dados. Lembro, que a definição de uma boa estrutura da base de dados para armazenar os bancos da ferramenta Project Server 2013 é de fundamental importância. Apenas para lembrar, ele pode ser armazenado no SQL Server 2008 SP1 sem problemas. Porém, sempre é indicado o armazenamento dos bancos de dados no SQL Server 2012. Isso, permite usufruir de todas as funcionalidade de BI, como o ODATA, relatórios, consulta rápida nas bases do Project Server 2013.


Outras linguagens